Isolantes Convencionais (Isolantes Térmicos e Acústicos Convencionais)

Os isolantes convencionais estão disponíveis em composições e formatos bastante variados e sua escolha depende basicamente da análise de temperaturas e de dados sobre a superfície a ser tratada. Há isolantes à base de aerogel, fibra cerâmica, lã de vidro, lã de rocha, sílica, silicato de cálcio, espuma elastomérica, polietileno expandido, poliuretano e poliestireno expandido, dentre outros, que estão disponíveis geralmente em formato de mantas, placas, tubos, calhas, tecidos, cordões, fitas e flocos.

LÃ DE ROCHA

A lã de rocha é indicada para isolamento térmico, principalmente de temperaturas na faixa de 50º C até 600º C, e também para tratamento acústico. É caracterizada por baixa condutibilidade térmica e elevado índice de absorção acústica.

Em geral, a lã de rocha é utilizada na construção civil e em indústrias para aplicação em coberturas, forros, telhas metálicas, divisórias, paredes, dutos de ar condicionado, equipamentos industriais, tanques, tubulações, estufas e aquecedores, dentre outras.

A espuma elastomérica é indicada para isolamento térmico de temperaturas na faixa de -50ºC até 105ºC. É um isolante térmico flexível de estrutura celular fechada, caracterizado por baixa condutividade térmica, de alta resistência a difusão do vapor de água.

Em geral, a espuma elastomérica é utilizada em sistemas de climatização para aplicação em equipamentos e dutos de ar condicionado. Também é muito utilizada na indústria, para aplicação em equipamentos e tubulações de água gelada.

A espuma elastomérica está disponível nos formatos de tubos de borracha elastomérica e mantas de borracha elastomérica, standard ou autoaderentes. Para aplicação, há produtos auxiliares como cinta, cola e revestimentos especiais.

AEROGEL

Principais características:

- Baixa condutividade térmica, menor que qualquer isolamento industrial;
- Desempenho de isolamento de 2 a 8 vezes melhor do que os materiais tradicionais;
- Menor peso e espessura, com desempenho de isolamento igual ou superior (por ser mais fino, reduz os diâmetros dos tubos externos, gerando economia de espaço e redução de custos com revestimentos);
- Isolamento de baixas e altas temperaturas, de -273ºC até 650ºC;
- Capacidade absorção sonora.

A lã de vidro é indicada para isolamento térmico, de temperaturas na faixa de 50ºC até 550ºC, e também para tratamento acústico. É caracterizada por baixa condutibilidade térmica e elevado índice de absorção acústica.

Em geral a lã de vidro, é utilizada na construção civil e em indústrias para aplicação em coberturas, forros, telhas metálicas, divisórias, paredes, dutos de ar condicionado, equipamentos industriais, tanques, tubulações, estufas e aquecedores, dentre outras.

A fibra cerâmica é indicada principalmente para o isolamento térmico de altas temperaturas (até 1400ºC). É caracterizada por baixa condutibilidade térmica, baixo armazenamento de calor, elevada resistência a choques térmicos e ataques químicos, e por suas propriedades termo-acústicas.

Em geral, a fibra cerâmica é muito utilizada por vários setores da cadeia produtiva (indústrias, siderurgias, construção civil, off-shore etc.) para aplicação em fornos, caldeiras, tubulações e geradores.

FELTROS DE SÍLICA

Feltros de Sílica para Isolamento Térmico e Acústicos

Os feltros de sílica são caracterizados por baixa condutividade térmica e ótima resistência a temperaturas elevadas. São indicados para temperaturas de até 1.000°C constantes, sem perda de propriedades.